UK law is changing. We would like to place cookies on your computer to help us make this website better. We've always done this (it's how websites work!), but the law now says I must ask your permission first. To find out more about the cookies, see the privacy notice.

I accept cookies from this site

UK Registered Charity 1117093
Company Number 5947088

"God made me for a purpose, but he also made me fast and when I run, I feel his pleasure."

Eric Liddell in Chariots of Fire

Humildade

Objetivo: Encorajar humildade, honestidade e um entendimento do ponto de vista dos outros.

Dinâmica:
Neste exercício atletas se projetarem no personagem que você dá a eles individualmente, e por escrito:

Para o atleta 1 você escreve "Sou um catador de latas. Ganho pouco e estou com filho doente."

Ele terá de ler alto a frase, e a partir daí, você, ou o grupo, faz perguntas pertinentes a um catador de latinhas (sobre família, ganhos, moradia, etc.) A pessoa tem que responder usando a 1ª pessoa do singular "EU", encarnando o personagem.

Para o atleta 2 você escreve:"Sou uma empregada doméstica, ganho salário, sou sozinha, demoro três horas para chegar ao emprego, volto tarde e moro em bairro perigoso"

Ele lê alto, e daí, você faz ou abre perguntas à empregada. Ela tem que responder usando a 1ª pessoa do singular "EU", do mesmo jeito que o catador.

Para o atleta 3 você escreve: “Jogo no ataque, sou craque, prefiro tentar marcar um gol de que passar a bola pra meu colega, memso quando ele tem mais chance de marcar. Nunca confesso os meus erros.” E segue da mesma forma.

Deixe o grupo criar perguntas e os entrevistados criarem as respostas. Só não permita que elas saiam do personagem. Se sair, incentive-os a voltarem.

Este e um excelente exercício para as pessoas criarem empatia com seus personagens e entenderem "na pele" sobre o assunto.

Interessante é quando se dá papéis femininos para homens e vice-e-versa.

Reflexão:
Após esta dinâmica, o treinador deve expor as idéías contidas na seguinte reflexão:

Que todos prestem serviços uns aos outros com humildade, pois as Escrituras sagradas dizem: “Deus é contra os orgulhosos, mas é bondoso com os humildes!” Portanto, sejam humildes debaixo da poderosa mão de Deus para que ele os honre no tempo certo. 1 Pedro 5.5-6

Edmilson, do Barcelona, ganhou a Copa do Mundo com a seleção brasileira. Na época em que jogava no Lyon, da França, houve um jogo em que a zaga deixou entrar um gol de bobeira. Edmilson depois falou na mídia “A culpa foi a minha.” Um dos jornalistas disse para ele, “Você é a primeira pessoa que eu ouvi assumir qualquer culpa diante da mídia, a maioria dos outros sempre culpa a equipe, ou outra pessoa.”

Edmilson respondeu simplesmente, “Bom, é o meu jeito. Cheguei onde cheguei hoje por causa desta minha atitude. Eu sou muito exigente comigo mesmo.”

Ser humilde, e não “se achar”, são princípios centrais nos ensinos de Jesus. Ele, o apóstolo Paulo diz, “humilhou-se e tomou a natureza de servo.”

O jornalista que falou com Edmilson tinha razão! Existem muitos que se acham no mundo dos esportes. São poucos que levantam a voz para dizer “a culpa foi a minha”. Todos nós tendemos a querer se justificar e transferir a responsabilidade para outros.

É bom imaginar que só tem uma pessoa assistindo o jogo, e que aquela pessoa é Deus. Ele enxergará a nossa humildade e ficará feliz. No longo prazo, os nossos colegas e companheiros de time também chegarão a respeitar a nossa honestidade e integridade.

Além disso, Pedro promete duas coisas. Enquanto Deus se opõe aos orgulhosos, os humildes receberão a graça de Deus e serão levantados.

Weekly sports email

Leave your email address if you wish to receive Stuart's weekly sports email: